Jesus – a Divina Luz que não cria sombras

Fonte: Cruzada do Novo Mandamento de Jesus, 7 de dezembro de 1987. | Atualizado em 7 de setembro de 2009.

Há 50 anos, em um memorável Sete de Setembro (1959), uma multidão reunida em Campinas/SP, Brasil, testemunhou um dos mais importantes fatos da história da humanidade: o Irmão Alziro Zarur (1914-1979) realizava a Proclamação do Novo Mandamento de Jesus. O cenário foi o antigo Hipódromo do Bonfim, atual Praça Legião da Boa Vontade, que era o mais amplo espaço público capaz de receber a quantidade de pessoas que lá estava, de várias partes do país, para acompanhar o saudoso radialista carioca promover a Independência Espiritual do Brasil e do mundo, a partir dos luminosos versículos bíblicos que até então estavam despercebidos no Livro Sagrado: “Amai-vos como Eu vos amei. Somente assim podereis ser reconhecidos como meus discípulos” (Evangelho de Jesus, segundo João, 13:34 e 35).

Gilberto Di Biasi

A multidão (acima, vista parcialmente) saúda  Alziro Zarur, a 7 de setembro de 1959, no antigo Hipódromo do Bonfim, em Campinas, SP, hoje Praça Legião da Boa Vontade, durante a Proclamação do Novo Mandamento de Jesus.

Para celebrar tão inesquecível acontecimento apresentamos a você histórica circular escrita pelo Presidente-Pregador da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, José de Paiva Netto, em 7 de dezembro de 1987, à 1h26 da madrugada, em São Paulo/SP. Nela, ele convoca os Legionários da Boa Vontade e Cristãos do Novo Mandamento a seguirem destemidamente Aquele que aplaca todas as dores, que personifica o sentido das nossas existências, a Divina Luz que não cria sombras: Jesus. Com a bandeira da Ordem Suprema do Cristo erguida bem alto, iluminando as consciências da Terra e do Céu da Terra, vamos vencer com o Mestre Amado todas as tribulações que a vida nos apresente.

Boa leitura!

Os editores

 

Minhas Irmãs e meus Amigos, minhas Amigas e meus Irmãos, que se reúnem nas Igrejas Ecumênicas da Religião Divina,

 

Deus Está Presente!

Jesus Está Chegando!

Na amplíssima e abrangente Seara de Nosso Senhor Jesus Cristo no planeta Terra, a Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo e a Legião da Boa Vontade são o nosso apostolado.

Reconheço os sacrifícios pessoais e íntimos sofrimentos de todos. Mas sois felizes, pois o verdadeiro discípulo do Divino Amigo Jesus segue a estrada estreita que conduz à porta estreita (Lucas, 13:24) com os olhos firmados no extraordinário Luzeiro do Seu Ideal, e isso lhe é suficiente. Essa Luz, que não cria sombras, bem sabeis Quem é. Entretanto, nestes tempos apocalípticos que darão “a cada um de acordo com as suas próprias obras” (Evangelho, segundo Mateus, 16:27), desde o governado ao governante; do fiel ao sacerdote; do subordinado ao chefe, é meu dever repetir para vós sempre o Seu Excelso Nome: Jesus!

Dor — a Grande Mestra dos empedernidos

Escutai, escutai com atenção: não vos canseis de seguir a Divina Luz. Sim, não vos canseis de segui-La. De outra forma, estareis trilhando os trevosos caminhos que conduzem aos abismos da Dor. A Grande Mestra dos empedernidos se apresenta à humanidade, por ela mesma, humanidade, convocada para a definitiva lição que cumpre ser dada aos seres terrenos, impreterivelmente neste fim de ciclo apocalíptico.

Desafio apostolar

Sursum corda! Sursum corda! — Elevai os vossos corações!

Lembrai-vos sempre de que, junto à vossa Alma, incontáveis Amigos Irmãos Espirituais da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo e da Legião da Boa Vontade de Cima, isto é, do Astral Superior, da Gloriosa Falange de São Francisco de Assis, incessantemente cooperam com acendrado zelo pelo integral desempenho de vossos nobilíssimos deveres espirituais para com o Brasil e a humanidade.

Não vos esqueçais de que fostes escolhidos pelo Senhor da Terra, Jesus, que, ao vos mandar nesta encarnação ao solo abençoado deste país, como vanguardeiros de um mundo melhor, o fez por confiar em vós. E, assim, permanece acompanhando-vos com desvelo de Pai, Pai permanentemente disposto a estender Suas Mãos Sagradas aos queridos de Seu Espírito nos momentos de luta apostolar.

Infraestrutura Espiritual

Das nações aproxima-se a tormenta derradeira anunciada desde o Antigo Testamento da Bíblia Sagrada.

Nada deveis temer, nada! Continuai no vosso labor. Tenho consciência de que espiritualmente compreendeis a vossa imensa responsabilidade, desde o mais jovem dos Soldadinhos de Deus, da LBV, ao mais veterano Legionário da Boa Vontade do Cristo. Sim, os da Boa Vontade do Cristo!

A sementeira da Religião do Amor Universal, da LBV, desde o saudoso Irmão Zarur, sempre presente entre nós até os dias que correm, tem se erguido a grandeza tamanha, que anima os nossos corações, não obstante muitíssimo ainda terdes que realizar. É vosso compromisso. A estrutura está aí, a infraestrutura também, firmadas na Rocha Firme, que é Jesus, portanto, a Infraestrutura Espiritual!

A tarefa dos milênios: reacender a chama do Cristianismo do Cristo

Guardai em vossos corações, generosos corações, esta palavra de quem vos ama: conheceis a vossa missão na Terra — reacender a chama do Cristianismo do Cristo em todo o planeta. Vossa tarefa não está limitada pelas fronteiras de países, nem pelos preconceitos, nem pelos tabus, nem por dogmas que têm retardado a marcha dos povos pelos milênios. Espalhar pelo mundo, em todo o seu significado e em toda a sua pureza, o Cristianismo do Novo Mandamento de Jesus Amai-vos como Eu vos amei. Somente assim podereis ser reconhecidos como meus discípulos (Santo Evangelho, segundo João, 13:34 e 35). Eis a vossa missão. Por todos os meios e modos possíveis é fácil, mas ide pelos impossíveis — isto é que vos dignifica: propagar, em toda a sua Divina Essência e honradez, o Cristianismo do Novo Mandamento de Jesus, a Lei da Solidariedade Espiritual, Humana, Social, Universal. Sim, porque científica, religiosa, desportista, filosófica, política, artística, musical. Enfim, levar a Ordem Suprema de Nosso Senhor, repito, não apenas ao campo religioso, mas também ao filosófico, ao científico, ao político, ao artístico, ao desportivo, ao musical, enfim, por toda parte, corajosamente. Para os Jovens Ecumênicos da Boa Vontade, os Soldadinhos de Deus, da LBV, e para os Cristãos do Novo Mandamento de Jesus não resta dúvida. Basta ler os poemas e mandamentos dos Legionários de Deus, que aí estão particularizados para cada faixa etária1. Deveis todos estudá-los com devoção.

Guardai em vossos corações, reitero, esta palavra de quem vos ama: conheceis a vossa missão na Terra. Vós a trazeis bem marcada em vosso Espírito. É o vosso sinete que impede que recebais a marca do anti-Cristo. Preparar os caminhos da Volta Triunfal do Cristo de Deus, dedicando-vos ao surgimento o mais breve possível de “Um só Rebanho para um só Pastor” (Boa Nova, consoante João, 10:16), que é Jesus, é tarefa vossa, exige dedicação total! Pelos milênios vos haveis preparado para isso. Sim, ninguém está na LBV por acaso, nem na Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo.

Então, outra vez, guardai em vossos corações esta palavra de quem vos ama: quereis honrosamente vencer a vossa tarefa legionária da Boa Vontade de Deus no mundo? Quereis? Falai aos corações! Antes que à inteligência, enfatizo, falai aos corações! Deveis anotar este ensinamento da sabedoria oriental. Diz assim:

— Ponde Amor nas vossas palavras, e até os animais vos entenderão.

Lembrai-vos disso, mas não penseis que devais andar longe da energia, porque ter Amor não significa ser condescendente com o erro. Nunca vos ensinei isso. Porque a humildade, bem que fraterna, é, acima de tudo, corajosa!

Tesouros nos Céus

Filhos da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo e da LBV! Atentai para isto: não ambicioneis o supérfluo. Ao contrário, enchei o vosso bornal com os valores espirituais, morais que vos tornarão indestrutíveis:

— Ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói e onde ladrões não escavam nem roubam; porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração.

Jesus (Mateus, 6:20 e 21)

Esses são os bens que exornam o coração do Sublime Benfeitor, que Ele vos quer entregar, de forma que possais sobreviver entre os que levantarão das ruínas a sociedade do futuro, sustentada no Santo Evangelho e no Apocalipse Redentor do Cristo Ecumênico, o Divino Estadista.

Jesus: o potentíssimo Farol

Como a todo momento nos recordava o sempre lembrado Proclamador da Religião Divina, o Irmão Alziro Zarur, o Evangelho e o Apocalipse são os mais poderosos armamentos do mundo; não matam, eliminam apenas o mal que houver no homem, na mulher, na criança, no jovem, no velhinho, devolvendo-lhes a verdadeira vida. Tendes nas vossas mãos, portanto, esse Inderrotável Arsenal, consignado na Lei Maior de Amor do Supremo Governante de nosso planeta, Jesus.

Tela: Sebastiano Ricci (1659-1734)

Título da obra: Cristo cura o homem cego.

Fortalecei, pois, Legionários da Boa Vontade e Cristãos do Novo Mandamento, Amigos de Jesus — adultos, jovens e crianças — o vosso caráter. Não temais a procela que se acerca do mundo.

Jesus é o potentíssimo Farol a indicar ao navegante, cuidadoso e valente, o seguro canal, liberto de rochas afiadas submersas e outras surpresas mortíferas.

Que a Paz de Deus habite agora e eternamente os vossos lares!

Coragem, minha gente! Coragem!

Vamos em frente, porque Deus Está Presente! E Jesus vive em nossos corações para sempre!

 

Assino com Fraterno Amor no coração

José de Paiva Netto

Servidor dos Amigos de Deus

__________________________________

1 Poemas e Mandamentos dos Legionários de Deus —  O saudoso Proclamador da Religião Divina, Alziro Zarur (1914-1979), presenteou os Cristãos do Novo Mandamento de Jesus, de todas as idades, com belíssimos poemas e mandamentos. Você encontra “Os Dez Mandamentos dos Homens e Mulheres da Boa Vontade” e “Os Mandamentos da Mocidade Legionária e dos Soldadinhos de Deus”, da LBV, no terceiro volume das Sagradas Diretrizes Espirituais da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo (1991).

José de Paiva Netto, escritor, jornalista, radialista, compositor e poeta. É diretor-presidente da Legião da Boa Vontade (LBV). Membro efetivo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e da Associação Brasileira de Imprensa Internacional (ABI-Inter), é filiado à Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), à International Federation of Journalists (IFJ), ao Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Escritores do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro e à União Brasileira de Compositores (UBC). Integra também a Academia de Letras do Brasil Central. É autor de referência internacional na defesa dos direitos humanos e na conceituação da causa da Cidadania e da Espiritualidade Ecumênicas, que, segundo ele, constituem “o berço dos mais generosos valores que nascem da Alma, a morada das emoções e do raciocínio iluminado pela intuição, a ambiência que abrange tudo o que transcende ao campo comum da matéria e provém da sensibilidade humana sublimada, a exemplo da Verdade, da Justiça, da Misericórdia, da Ética, da Honestidade, da Generosidade, do Amor Fraterno. Em suma, a constante matemática que harmoniza a equação da existência espiritual, moral, mental e humana. Ora, sem esse saber de que existimos em dois planos, portanto não unicamente no físico, fica difícil alcançarmos a Sociedade realmente Solidária Altruística Ecumênica, porque continuaremos a ignorar que o conhecimento da Espiritualidade Superior eleva o caráter das criaturas e, por conseguinte, o direciona à construção da Cidadania Planetária”.