OAB no TBV

Fonte: Jornal de Brasília, edição de 1º de fevereiro de 2011, terça-feira.

O Templo da Boa Vontade (TBV) recebeu a visita do presidente da OAB-DF, dr. Francisco Queiroz Caputo Neto, e de dois integrantes da OAB-RJ: o diretor financeiro, dr. Marcello Oliveira, e o consultor de relações institucionais da Ordem, dr. Rodrigo Graça Aranha. Após percorrerem os ambientes acolhedores do Conjunto Ecumênico da Boa Vontade, concederam entrevista à Super RBV de Comunicação. Impressionado com o arrojo da estrutura piramidal, dr. Francisco Queiroz exaltou: “É um patrimônio extraordinário, motivo de orgulho para todos nós que escolhemos Brasília como a nossa cidade. O povo brasileiro tem na capital da República um lugar que é, efetivamente, um centro ecumênico, que atende de uma forma extraordinária aos anseios da nossa sociedade. Agradeço a oportunidade de estar aqui, oportunidade única, privilegiada. Quero dizer que a OAB-DF também está de portas abertas para a LBV e tenho certeza de que teremos muitos projetos futuros, porque os nossos anseios e objetivos são muito comuns. Muito obrigado!”.

PARCERIA DE SUCESSO
O dr. Marcello Oliveira destacou o sucesso da ação conjunta da LBV com a OAB-RJ no amparo às vítimas das fortes chuvas na região serrana do Rio: “Sempre estaremos ao lado da Legião da Boa Vontade nessas ações. Sempre que nos chamarem, que nos convocarem, estaremos atentos e alertas, para participar dessas ações. Espero que não tenhamos outra tragédia dessa natureza no Rio de Janeiro, que agora possamos sempre trabalhar para educar a população em todos os sentidos, as crianças, os advogados (que é o nosso caso) e, de alguma forma, dar outro tipo de assistência de que essa população tanto carece (...). Como diz o presidente da LBV, temos que nos unir, buscar entidades, pessoas, a sociedade civil, para que possamos produzir resultados, e que isso nos dê esperança para o futuro. É como está no pensamento dele que vi hoje aqui [no ParlaMundi da LBV]: ‘Se o território não é defendido pelos bons, os maus fazem ‘justa’ a vitória da injustiça’. Concordo plenamente com ele”.

 

Por e-mail, o dr. Rodrigo Graça Aranha comentou: “Amigos, definitivamente o sucesso é fruto do trabalho, do aprimoramento, da disciplina, da perseverança e da fé, ingredientes que parecem inundar a LBV. Na ocasião da distribuição dos donativos, conheci a face operacional da Entidade. Uma coordenação que parecia guiada pelas mãos do Divino, pois em meio àquele cenário de devastação, onde os agentes públicos tinham dificuldade até mesmo no ordenamento do trânsito, a LBV se deslocava com a precisão e a velocidade de uma flecha, que conhece seu alvo, mas principalmente qual a trajetória que deve cumprir para alcançá-lo. Nessa visita [ao TBV] com os amigos Marcello Oliveira e Francisco Caputo, vi competência e traquejo político, além de um roteiro interno minimamente pensado, onde cada detalhe impressiona e encanta. Desde que deixei a FGV Consulting, em 2000, travei contato com entidades patronais de quase todos os segmentos: comércio, serviços, turismo, indústria, agricultura, transportes, instituições financeiras, enfim, com uma variedade de setores econômicos. Nenhuma dessas entidades tem em suas instalações um roteiro com o apelo e a beleza do que cumprimos. Por todas essas razões, faço minhas as palavras do colega Claudio Lamachia, presidente da OAB-RS: ‘É um privilégio estar aqui contribuindo com a LBV, que certamente alavanca o nosso país para um futuro melhor!’. Recebam o caloroso abraço do Rodrigo Graça Aranha”.

Aos amigos da OAB, o meu fraterno agradecimento.

CIDADÃO-BEBÊ
As atividades desenvolvidas pela primeira turma do programa Cidadão-Bebê do Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade em Porto Alegre/RS foram um sucesso. No programa são atendidas mulheres em situação de vulnerabilidade social, desde a gravidez até o primeiro ano do bebê. Emocionada, a gestante Patrícia Fernandes Cruz dos Santos comentou: “Tivemos palestras muito importantes, fisioterapeutas, psicólogas, orientação de enfermeiros, e a assistente social nos ajudou muito”. As futuras mamães também receberam da LBV um enxoval completo para o bebê.

Já estão abertas as inscrições para a próxima turma. Gestantes de até cinco meses podem se dirigir, até 18/2, às terças-feiras, das 14 às 17 horas, à Av. São Paulo, 722, esquina com a Av. São Pedro, no bairro São Geraldo. É necessário apresentar documento de identidade e o cartão pré-natal. Outras informações: (51) 3325-7036.

DEFESA CIVIL/RS
Em seu site oficial, a Defesa Civil/RS anunciou o encerramento, no dia 31/1, da campanha de arrecadação de mantimentos para as vítimas das fortes chuvas da região serrana do Rio de Janeiro. Informa ainda que “a ONG Movimento da Liberdade Humanitária e a Instituição Legião da Boa Vontade também realizaram um excelente trabalho junto à Central de Arrecadação, auxiliando desde o início através de doações e muitos voluntários”.

A Solidariedade é uma virtude do povo brasileiro.

José de Paiva Netto, escritor, jornalista, radialista, compositor e poeta. É diretor-presidente da Legião da Boa Vontade (LBV). Membro efetivo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e da Associação Brasileira de Imprensa Internacional (ABI-Inter), é filiado à Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), à International Federation of Journalists (IFJ), ao Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Escritores do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro e à União Brasileira de Compositores (UBC). Integra também a Academia de Letras do Brasil Central. É autor de referência internacional na defesa dos direitos humanos e na conceituação da causa da Cidadania e da Espiritualidade Ecumênicas, que, segundo ele, constituem “o berço dos mais generosos valores que nascem da Alma, a morada das emoções e do raciocínio iluminado pela intuição, a ambiência que abrange tudo o que transcende ao campo comum da matéria e provém da sensibilidade humana sublimada, a exemplo da Verdade, da Justiça, da Misericórdia, da Ética, da Honestidade, da Generosidade, do Amor Fraterno. Em suma, a constante matemática que harmoniza a equação da existência espiritual, moral, mental e humana. Ora, sem esse saber de que existimos em dois planos, portanto não unicamente no físico, fica difícil alcançarmos a Sociedade realmente Solidária Altruística Ecumênica, porque continuaremos a ignorar que o conhecimento da Espiritualidade Superior eleva o caráter das criaturas e, por conseguinte, o direciona à construção da Cidadania Planetária”.