Solidariedade aos chilenos

Fonte: Jornal A Tribuna Regional, de Santo Ângelo/RS, edição de 6 e 7 de março de 2010, sábado e domingo.

Na madrugada de sábado, 27/2, um terremoto de 8,8 graus de magnitude – originado no oceano, perto da cidade de Concepción, seguido de dezenas de réplicas de magnitudes entre 6,9 e 6,2 – atingiu a região central do Chile, uma das áreas mais populosas do país (cerca de 75% dos habitantes). Segundo o Escritório Nacional de Emergência do Chile (ONEMI), o tremor ocorreu próximo da superfície, a 35 quilômetros de profundidade. Nas regiões de Maule, Bio Bio e La Araucania foi declarado “estado de catástrofe” pela presidente do país, Michelle Bachelet. O abalo sísmico foi tão forte que pôde ser sentido em países vizinhos, incluído o Brasil.

Até o fechamento desta coluna, as autoridades chilenas já constatavam a triste realidade de mais de 700 mortos, muitos em consequência dos tsunamis, e dois milhões de desabrigados. O embaixador do Brasil no Chile, Mário Vilalva, não descarta a possibilidade de haver brasileiros entre as vítimas, já que, segundo o Itamaraty, o número de brasileiros residentes ou em passagem pelo Chile chega a 12 mil.

A nossa solidariedade ao povo chileno, rogando ao Pai Celestial que conforte o coração daqueles que perderam seus entes queridos e lhes fortaleça a Fé Realizante na nobre tarefa de reconstrução do seu país.

Acadêmico José Mindlin

Nossos sentimentos aos familiares do respeitado bibliófilo e empresário José Mindlin que, no domingo, 28/2, voltou, aos 95 anos, à Pátria Espiritual. Mindlin ocupava a cadeira 29 da Academia Brasileira de Letras.

Ao Espírito Eterno de nosso amigo, as melhores vibrações de Paz e Fraternidade da LBV.

Inimigo silencioso

Numa excelente matéria produzida pelo programa Viver é Melhor!, da Boa Vontade TV (Oi TV — Canal 212 — e Net Brasil/Claro TV — Canal 196), o dr. Fadlo Fraige Filho, endocrinologista, presidente da ANAD (Associação Nacional de Assistência ao Diabético) e da FENAD (Federação Nacional de Associações e Entidades de Diabetes), trouxe importantes esclarecimentos sobre o perigo do diabetes e das doenças a ele correlacionadas.

Abordamos, mais uma vez, esse relevante tema por se tratar de assunto de saúde pública, sempre necessitado de maior divulgação entre o povo.

Dados alarmantes

Acerca do impacto do diabetes na área da saúde, dr. Fadlo afirmou que “para a Organização Mundial da Saúde (OMS) o diabetes e a obesidade são duas epidemias de males crônicos. Ambas andam juntas porque a obesidade acaba sendo um passaporte para o diabetes. É um fator desencadeante para aqueles que geneticamente já têm a doença. São dois os tipos básicos de diabetes. O tipo 1, que se manifesta na infância e adolescência, é autoimune, não muito ligado à genética (5% a 10% de todos os diabéticos). Já de 90% a 95% dos doentes são do tipo 2, que se manifesta na fase adulta e geralmente vem com a obesidade: 80% deles são obesos. Calcula-se em torno de 230 milhões o número de pessoas com diabetes no planeta. No Brasil são, em média, 10 milhões. Uma parte, cerca de 40%, tem a doença e não sabe. Ela é silenciosa, evolui sem que percebamos. Você que é parente de diabéticos, ou que é obeso, tem hipertensão, tem de fazer seus exames periodicamente, porque é possível que você venha a desenvolver o diabetes”.

De acordo com a OMS, hoje, a cada cinco segundos, uma pessoa no planeta contrai o diabetes. E ainda consoante o endocrinologista, “é a primeira causa de cegueira e de amputações de membros inferiores no mundo”.

Que mais e mais pessoas se conscientizem da urgente necessidade de cuidar da saúde. Somente assim poderemos vencer o diabetes, terrível e silencioso inimigo.

Na versão on-line deste meu artigo, você encontra outros trechos da entrevista. Acesse www.boavontade.com e boa leitura.

José de Paiva Netto, escritor, jornalista, radialista, compositor e poeta. É diretor-presidente da Legião da Boa Vontade (LBV). Membro efetivo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e da Associação Brasileira de Imprensa Internacional (ABI-Inter), é filiado à Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), à International Federation of Journalists (IFJ), ao Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Escritores do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro e à União Brasileira de Compositores (UBC). Integra também a Academia de Letras do Brasil Central. É autor de referência internacional na defesa dos direitos humanos e na conceituação da causa da Cidadania e da Espiritualidade Ecumênicas, que, segundo ele, constituem "o berço dos mais generosos valores que nascem da Alma, a morada das emoções e do raciocínio iluminado pela intuição, a ambiência que abrange tudo o que transcende ao campo comum da matéria e provém da sensibilidade humana sublimada, a exemplo da Verdade, da Justiça, da Misericórdia, da Ética, da Honestidade, da Generosidade, do Amor Fraterno".

Newsletter