O Espírito é o fundamento do Universo

Fonte: Jornal Correio Braziliense, edição de 7 outubro de 1993 | Atualizado em dezembro de 2016.

No dia dois de outubro de 1993, portanto há mais de 20 anos, vistoriei a concretagem dos subsolos do Parlamento Mundial da Fraternidade Ecumênica, o ParlaMundi da LBV, que arquitetonicamente surgiu das entranhas da terra, assim como o seu ideal nasceu das entranhas de Deus. Ora, sabemos que a grande verdade que a Ciência humana começa timidamente a vislumbrar consiste no fato de que o fundamento do Universo não é material, mas espiritual. Brevemente todos compreenderão que o Espírito (Energia Inteligente) é a verdadeira sustentação de tudo.

Nilton Preda

 

O dirigente da LBV — acompanhado do saudoso Harry Simonsen, Jr. (então presidente da conceituada empresa de consultoria Simonsen Associados) e de assessores — vistoria a construção do monumento. Vale recordar que, certa vez, Harry Simonsen afimou: “O presidente Paiva Netto é o maior multiplicador de talentos que conheço”
 

Uma das maiores mensagens deste Parlamento Ecumênico — inaugurado em 25 de dezembro de 1994 — é a necessidade de descobrirmos nossa origem, porquanto, em pleno terceiro milênio, a ignorância a respeito do que fomos ontem, do que somos hoje e do que seremos amanhã (assim como a consequência moral desse conhecimento) continua crassa. O homem colocou-se sobre o pedestal da ciência materialista e pensa que o soma tudo resume, censurando ironicamente o “primata supersticioso”. Mas, no campo quase inexplorado do saber espiritual, questiono: onde se retarda ainda a Humanidade, apesar de todo o seu proclamado avanço tecnológico, senão um pouco acima do primarismo a respeito dos assuntos ligados ao Espírito!? Quando escrevemos sobre “A abrangência do Templo da Boa Vontade”, monumento ao lado do qual ergui o ParlaMundi da LBV, lançamos as bases de algo inteiramente novo, como disse o dr. Célio de Souza, conceituado jurista de Brasília, falando ao nosso prezado Irmão Haroldo Rocha, chanceler da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, hoje, em Portugal: “Esse Parlamento é algo totalmente novo”. E é mesmo. Trata-se de um Fórum no qual não apenas os seres reencarnados, que somos nós, falarão, mas também terão oportunidade de se manifestar por intermédio da meditação e da prece, com toda sua potência moral e intelectual, os homens sem corpo, os Espíritos, que constituem a comprovação de nossa existência verdadeira: a do Mundo ainda Invisível aos deficientes sentidos físicos.

Armando Kitamura

   

A criatura de Deus não é somente corpo, é apenas passageiramente corpo e eternamente Espírito. Como colocarmos o episódico acima do eterno, mesmo e principalmente na Política? É vital que sigamos, passo a passo, as instruções do Cristo: Deus não é Deus de mortos, mas de vivos. Como não credes nisto, errais muito” (Evangelho de Jesus, segundo Marcos, 12:27).

José de Paiva Netto, escritor, jornalista, radialista, compositor e poeta. É diretor-presidente da Legião da Boa Vontade (LBV). Membro efetivo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e da Associação Brasileira de Imprensa Internacional (ABI-Inter), é filiado à Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), à International Federation of Journalists (IFJ), ao Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Escritores do Rio de Janeiro, ao Sindicato dos Radialistas do Rio de Janeiro e à União Brasileira de Compositores (UBC). Integra também a Academia de Letras do Brasil Central. É autor de referência internacional na defesa dos direitos humanos e na conceituação da causa da Cidadania e da Espiritualidade Ecumênicas, que, segundo ele, constituem "o berço dos mais generosos valores que nascem da Alma, a morada das emoções e do raciocínio iluminado pela intuição, a ambiência que abrange tudo o que transcende ao campo comum da matéria e provém da sensibilidade humana sublimada, a exemplo da Verdade, da Justiça, da Misericórdia, da Ética, da Honestidade, da Generosidade, do Amor Fraterno".

Newsletter